sexta-feira, 13 de março de 2009

Se joga, foi o que eu fiz!


Propaganda mais tosca que essa não há em toda a história dos comerciais estatais brasileiros. A garota fala, fala, fala, fala e no final, em meio a lágrimas de crocodilo solta a pérola: "E se joga, foi o que eu fiz!". Isso já virou bordão no meu colégio, tudo que acontece agora o povo fala: "Se joga!". Foi isso que eu quis fazer hoje depois de afundar na minha prova de Física, da minha querida professora Mersia (leia-se múmia, ela deu aula pra minha mãe no 3º ano). Esse foi o motivo pelo qual eu não postei um texto em homenagem aos 23 anos do Danny Jones, então parabéns freckled boy, o presente vem depois! Voltando ao assunto do "Se joga!", isso foi a pior bobagem que o governo brasileiro foi inventar. Imagine uma pessoa com depressão, na dúvida de pula ou não da Ponte Rio-Niterói. Ela ouve pelo rádio a frase "Se joga, foi o que eu fiz" e bye bye. Vocês vão ver, os números de suicídios no país vão subir consideravelmente. Palavra de Marília. Mas isso também pode contribuir para a conquista de medalhas brasileiras. Os treinadores de ginástica artística, saltos ornametais e salto em distância farão bom proveito desse fabuloso estímulo. O atleta pode estar inseguro, do alto da plataforma de saltos, aí passa a aluna de medicina com seus cadernos na mão e grita com um megafone "SE JOGA, FOI O QUE EU FIZ!" e pá, medalha de ouro para o Brasil. Acho que o Comitê Olímpico Brasileiro deveria contratar essa moça para melhorar o nosso quadro de medalhas nas Olímpiadas de Londres. Todos iriam pensar que era algum tipo de doping, e não, foi o método exclusivo SE JOGA do Brasil! Ainda bem que esse blog não é frequentado por petistas ou Lula's supporters em geral, porque eu acho que depois dessa vou ser presa. É o Freckled na luta contra a ditadura. Não. Quer dizer, eu acho que não grampearam meu telefone ainda. Até porque não tem nada de interessante nas minhas conversas via telefônica: um surto por causa da não-confirmação do show de BH aqui, minha me pedindo pra comprar o remédio da pressão pra ela ali... É, eu sou a pessoa mais desinteressante do país. Até porque não tenho dinheiro suficiente para ser interessante. Sou pobre, sou feia, sou solteira, sou BV e vou ali seguir o conselho da querida Vanessa, estudante de medicina e futura geriatra-limpadora-da-bunda-do-vovô (nada contra os geriatras, profissão muito digna e), vou me jogar da Ponte das Amoras. Acho melhor não, isso seria um triste fim para mim. Quero me jogar da London Bridge, muito mais style. Poderei ser socorrida por um guarda da rainha, com aqueles cotonetes a cabeça ou então pelo próprio príncipe Harry de Gales-gatinho-lindinho-te-quero-coração. Viajei. Mas que seria lindo seria. Mais IBOPE que a brasileira não-grávida, não-atacada e não-boa-da-cabeça lá na Suíça. Erm... acho que estou falando demais, por isso deixo uma mensagem final, mais filosófica que "Só sei que nada sei" by Socrátes (eu acho, hm) e "O amor é uma dor" by Zezinho de Serrania:


SE JOGA, FOI O QUE EU FIZ!


Aproveitando o espaço internético,  vou fazer do Freckled o Xou da Xuxa. Deixo aqui um BIG PARABÉNS pro meu pai, Daniel que faz aniversário hoje e dizer que eu amo ele mais que tudo nessa vida, e que a gente vai sair juntos dessa, você pode sempre contar comigo! AMO TE!


Beijo gentem, se joguem de um lugar legal!

5 freckledmaníacos.:

cathee disse...

meu, essa propraganda é mais do que tosca. SE JOGA MAAH *-* parei, pareei :)
amei o post meu <3

Dóri disse...

Poxa, eu vou precisar do Se Joga, dizem que Direito na PUC/Mackenzie/FGV é coisa de rico, e como eu tenho quase certeza de que a Fuvest vai ser muito difícil esse ano, ENEM, EU TE AMO! PROUNI MARAVILHA, NÓS GOSTAMOS DE VOCÊ!

Mandi disse...

AHEOIUAHEOIUAHEOIU RI DEMAIS!
Vamos lá galera, todo mundo se jogando no palco do show do McFLY e -NNNNNNNNNNNNNN.
Foi só uma brincadeira de péssimo gosto, juro. Não me mordam.

Anônimo disse...

SHAUSHUAHSUAHSUAHUSA

essa propaganda é realmente tosca

Thádia disse...

isso acaba com quem faz biologia
e eu faço!

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin