segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Como sobreviver a um casamento!

Os garotos é que me desculpem, mas esse texto é para as garotas.
Já estava na hora de alguém criar algumas dicas sobre isso. Sinceramente, nenhuma garota está preparada, REALMENTE PREPARADA, para enfrentar uma noite desse tipo.
Passei por uma experiência dessas recentemente, e vou simplificar as coisas e apontar pequenos erros que não devem (mesmo) ser cometidos.
Vamos começar pela parte mais difícil: a preparação (cabelo, unha, vestido e maquiagem).

1) Quando você for ao salão fazer o cabelo, certifique-se de que o penteado que você escolher COMBINE COM VOCÊ. Se for optar pela velha e ÓBVIA chapinha, tudo bem... particularmente, eu gosto de ser mais original. Foi por isso que eu prendi a minha franja para trás com pequenos pontos-de-luz e fiz cachos pesados no restante do meu cabelo. Quando a cabelereira terminou, fiquei satisfeita com meu bom gosto... minha mãe falou que eu estava parecendo uma dama antiga.
Já meu pai falou que eu estava parecendo a Maísa do SBT. Quase enfiei a minha cabeça na piscina depois disso.
Então, quando fizer alguma coisa ao seu modo, FIQUE LONGE DO SEU PAI, OU DO SEU IRMÃO.
2) Combine o seu esmalte com o vestido (quando possível). Se a sua unha estiver minúscula por algum motivo, NÃO pinte de cor escura! A cor clara vai disfarçar o cotoco, torando suas mãos discretas.
Em termos de maquiagem, eu sempre peço ajuda a minha mãe. Se você for uma garota que se emociona facilmente, seria ótimo comprar um rímel a prova d'água. Assim você vai evitar acabar parecida com o BOZO ao final da cerimônia.
Vestido: o grande problema! Vou ser um pouco rude agora, e falar diretamente para todas as garotas que não tem senso do ridículo. Eu sei que não é culpa de vocês, terem nascido com um neurônio a menos... mas o fato é que não se usa VESTIDINHOS DE MALHA CURTOS em um CASAMENTO. Escolha um longuete, ou mesmo um longo. É muito mais digno para a ocasião!

3) Se o fotógrafo for maravilhosamente lindo, mantenha sua mãe LONGE DELE! Não que ela vá agarrá-lo nem nada... mas ela vai deliberadamente começar a rir e a te cutucar, achando que está sendo discreta. Ou pior: ela pode te jogar pra cima do cara.
Como se você já não estivesse desesperada por um namorado, sem a interferência dela.
Sabe aquele amigo lindo da sua prima? NUNCA DEIXE A SUA MÃE DANÇAR COM ELE, E CHAMAR VOCÊ PARA DANÇAR TAMBÉM! Ouçam o que eu digo, porque eu passei por tudo isso. A não ser que você tenha a capacidade de ficar invisível, ou tenha um pescoço de avestruz para enficar a cara no chão, a humilhação será profunda. Sua mãe está louca por um genro!

4) O salgadinho ruim. Ninguém escapa desse! Você eventualmente vai morder uma merda horrível, e vai querer cuspir na hora. Porém, como estamos falando de uma dama (ou pelo menos de alguém que está fingindo ser uma), as opções cuspir, escarrar e arremessar pelo nariz estão VETADAS.
A opção mais educada e digna é fingir que está coçando o rosto, ou até mesmo rindo, tirar o salgadinho da boca DISCRETAMENTE (muitas encontram problemas nessa hora), e colocá-lo MAIS DISCRETAMENTE AINDA dentro do arranjo de flores, em cima da mesa. Francamente, é para isso que ele está lá. O pessoal do buffet sabe muito bem que nem todo mundo gosta dos salgadinhos que eles preparam.

5) Lugar para sentar. Mesa do fulano, mesa do ciclano... não importa. Se alguém diz pra você que a única mesa vaga é a dos pais do noivo ou da noiva, trate de ser simpática com os velhos. Eventualmente vá cumprimentá-los, coloque seu copo de bebida na mesa deles e se instale (de forma sutil). Ninguém gosta de gente mal educada!

6) O salto. Ao final da noite, seu pé vai estar pedindo socorro. Sabendo disso, você pode muito bem tomar algumas precauções, como: comprar palmilhas feitas para sapatos de bico fino, comprar solas de gel para partes específicas do pé, ou até mesmo usar o bom e velho band-aid. O que vale é não ter bolhas do tamanho de bolas de bilhar quando chegar em casa.
A sensação não é boa. Parece que você está andando sobre cogumelos, que nasceram debaixo dos seus pés.

7) A hora do buquê. Se você estiver interessada nessa parte específica, certifique-se de saber realizar pelo menos seis golpes de karatê. Porque acredite: aquelas mulheres estão desesperadas, e vão lutar com unhas e dentes (ou mais do que apenas isso) para conseguirem o que querem. Algumas podem até morder, então leve um spray de pimenta só por precaução.
8) Se alguém chamar você para dançar, não hesite. Se for um cara bonito e que te interesse, não há nada de errado em jogar um charme. Mas CERTIFIQUE-SE de que você SABE FAZER ISSO antes, por favor! Vamos nos poupar da humilhação e poupar o cara dos pesadelos.

9) Coma antes de ir. Você com certeza vai demorar para comer, por causa da cerimônia. Além do mais, não é educado atacar o garçom.

10) Aproveite a sua noite. Não importa se o seu cabelo estiver péssimo no final... o que importa é manter a pose!

Depois desses 10 conselhos, acho que todas estão prontas para enfrentar uma noite maravilhosa como essa.
Bom, pelo menos quase... ninguém pode dizer que eu não tentei! :D

4 freckledmaníacos.:

Dóri disse...

Adorei as dicas, Mandi! hahaha
E sei bem isso se mãe jogar a gente em cima de cara (que ela acha) bonito...
hahahahah

Beijos

·caMM's disse...

Momento confissão: em quase dezenove anos de vida, nunca fui a um casamento.

É a vida. Vou no noivado do meu primo daqui a uma semana, serve? :D

Nádia disse...

Conselho mais do que bem vindo,sendo que minha prima casa em outubro e eu sempre pago pelo menos um mico nessas ocasiões!

Natty Poney =D disse...

O amis legal eh qdo sua familia está cheia de amigos conversando sobe assuntos tão divertidos quanto religião, política, impostos e trabalho, vc não conhece mais ninguém na festa e começa a te dar aquela ligeira vontade de se matar lentamente com a faquinha de patê. (Y)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin